Permacultura Tropical no Brasil

Anovafloresta é um projeto educativo na agroecologia tropical (Centro de Trenamento na Permacultura) com 3 objetivos;

  • Regeneração duma terra desertificada no litoral da Bahia utilizando a Permacultura como metodologia sustentável, de baixo custo, que pode ser utilizada pelas famílias do Nordeste
  • Reflorestamento; produção duma floresta de comida integrada a uma horta hiper-produtiva precisando pouco labor, e construção duma paisagem otimizada para a produção de um espectro alargado de alimentos orgânicos e um habitat humano confortável de baixo impacto
  • Confrontar duma maneira critica a teoria e as técnicas da Permacultura com a implementação local, fonte de produção de valor, respeitando o meio ambiente.

O website em português se focaliza sobre as praticas agroecológicas tropicais performantes  e a optimização da produção através da integração das funções utilizando a metodologia da Permacultura (diminuição do labor, diminuição dos custos e amplificação do resultado agricultural).

O website inglês se focaliza um pouco mais sobre a teoria da Permacultura, especificamente sobre a popularização dos conceitos fundamentais de Abordagem sistêmica, modelagem e técnicas de Design, Termodinâmica, Cradle to Cradle, Biomimética, que são domínios científicos cuja literatura é escrita geralmente em inglês.

Este website descreve as características e conceitos de permacultura desenvolvidos durante a criação duma agricultura orgânica sustentável, incluindo uma floresta de alimentos, integração de animais, uma horta e um habitat ecológico.

Propomos uma formação associada com estes características e conceitos. O treinamento não é limitado à lista de funções e conceitos publicados no site. Acolheremos estudantes e voluntários que queiram participar de nossos projetos de reflorestamento, bio-construção e produção e processamento de alimentos.

Todas as funções são desenvolvidas em um contexto tropical úmido ( com excepção dos períodos influenciados pelo El Niño, causando uma mudança para um contexto trópico semiárido tipico do Nordeste brasileiro ) a fim de criar uma floresta de alimento abundante associada com horta e animais.

O objetivo é criar uma biblioteca de soluções que podem ser arquitetadas pelos horticultores, em um contexto tropical, no objetivo de regenerar terras pobres e produzir alimentos orgânicos com um investimento minimal.

Os principais inputs são novas plantas e animais (local ou adaptados ao contexto, por exemplo, galinhas, minhocas vermelhas, plantas de apoio e produtivas …), a fim de aumentar as interações positivas, fertilidade, produtividade, biodiversidade e resiliência.

Todas as funções e os conceitos listados aqui podem ser reproduzido com sucesso como eles têm sido confrontados com a implementação real e monitoramento usando a abordagem sistêmica da Permacultura (design, atar, observar, experimentar, estimular, integrar, monitorar).

As funções são desenvolvidos usando recursos locais, sem adubo externo. Não fertilizantes orgânicos, por exemplo, estrume de gado, têm sido usados como isso significaria acentuando o esgotamento de terras em pastagens localizadas na proximidade.A gestão de recursos baseia-se

  • capturando a luz do sol usando plantas perenes e espécies de apoio para a produção de matéria orgânica, fertilidade, frutas e produtos derivados florestais
  • integrando os animais para aumentar a taxa e distribuição de nitrogênio, monitorando o equilíbrio da cadeia alimentar global do ecossistema e produção de proteínas animais
  • reciclagem completa (ver Cradle to Cradle) como um quadro de gestão dos recursos locais

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s